|  |  |  |
 
 
Poetas do Mundo - Portugal - Fiama Hasse Pais Brandão (1938-2007)  
 
 de "As Fábulas"

Em Galafura

Os povoadores da beira Douro
conhecem o pó e as pedras.
E sabem que o Universo
concebe cerejais e parras.
Vivem como vermes magníficos,
iluminados por dias soalheiros,
obscurecidos pelas invernias.

 

 

 

A Matéria Simples

 

Os brilhos que na noite vêm
são dos olhos dos que sonham,
viagens pelos mares de outras águas.
São os que não gostam de se elevarem
no ar sobre os antigos oceanos
e amam os pequenos riachos
e o fundo invisível dos poços.

 

 

Do Raio de Sol

 

Raio de Sol na ombreira da porta,
na trave da cadeira, vindo da gelosia,
peço-te para amanhã voltares
mais arqueado pela esfericidade da Terra,
um raio não decididamente recto
cravado no meu tórax côncavo,
mas no meu coração curvo como um globo
.

 

 

de As Fábulas, Quasi, 2002

poemas encontrados aqui e aqui 

 


 
design by netsigma 
Site Meter